duas senhas

14 jun

“Pois todos os relatos que chegam até mim e me informam vêm dos homens, convencidos da superioridade de seu sexo (…) Eles têm medo delas e, para se tranquilizarem, eles as desprezam.” Georges Duby, historiador francês, referindo-se ao  período medieval

“Parece que os touros de Creta eram selvagens, de uma espécie muito robusta e, antes de serem domesticados, eram evidentemente caçados. No simbolismo dos caçadores, é frequente um dualismo sexual, em que a caça, elemento a ser subjugado pelo caçador, tem conotação feminina, enquanto está sendo perseguida, manipulada e morta pelo homem. A contrapartida ritual é oferecida pela imagem da mulher possuída e às vezes dilacerada pelo animal.” Em: Deméter e os mitos eleusinos

Anúncios

2 Respostas to “duas senhas”

  1. Rafael Daud junho 15, 2011 às 4:37 am #

    Oi Mai.
    Venho acompanhando de perto (bem de perto, como vc sabe) os avanços das pesquisas de vcs três. Nem vou comentar a ausência total de comentários sobre o meu pequeno ensaio crítico, apenas deixar anotado que foi percebido e sentido. Independentemente disso, escrevo pra contar de um capítulo no Memórias do Fogo, do Galeano, primeiro volume (Os Nascimentos), em que relata o ritual de preparação à caça de um índio americano (creio que da América do Norte). Ele diz que a preparação se assemelhava à preparação para o amor, que a pintura e o canto tinham a intenção de seduzir a caça, e que o caçador, ciente da sua responsabilidade, se abstinha de relações sexuais por três dias inteiros, a fim de não despertar o ciúme da caça…
    E aproveito pra dizer que essa tela do Mureau teve a maior impressão sobre mim, e que só fui começar a entender o Complexo de Édipo (que no Freud só inclui a parte do crime, ele matando o pai, comendo a mãe, e a da expiação, arrancando os olhos) depois de um certo momento da minha análise, que ao mesmo tempo só fez sentido acompanhada dessa tela.
    Beijos./

    • maiaragouveia junho 15, 2011 às 9:21 pm #

      Daudíssimo, começo sobre o trechinho do Galeano, ótimo pra amarrar com outros mitos relacionados à caça. Obrigada. Dou ênfase aos signo da sedução e do canto – quase sempre colados a figuras femininas (ou efeminadas).

      Sobre a tela do Mureau >> colei aí enfatizando as duas senhas: representação de um feminino amedrontador exigindo ser subjugado, controlado, domesticado. Hum, sei que deve trazer várias relações riquíssimas para um psicanalista. Curiosa pra saber das impressões que te causou. Quero ouvir.

      Estou montando uma lista de telas com o tema (é um trabalho infinito): e há sempre o rapto, a caça, a morte, o sono, a loucura, a possessão do demônio, a ameaça (a Márcia falou a esse respeito no artigo sobre a Ofélia, jogando luz sobre a imagem da mulher morta: https://quatropeixes.wordpress.com/2011/04/29/a-mulher-e-uma-imagem/ ). Depois vem mais dentro destas relações misóginas nas quais a cultura de violência simbólica e factual contra a mulher está baseada.

      Quanto ao texto que nos mandou, li duas vezes. Não quis te responder por escrito e sequer o mencionei porque pretendia fazê-lo pessoalmente, conversar contigo. O que eu penso de tudo se resume em uma frase: Não é um ensaio feminista. Ponto-e-vírgula. Ao contrário.

      Vamos pontuar os porquês e desporquês. Não se zangue. É o tipo de coisa que se debate ao vivo. Pra cuidar do tom e da clareza. Evitar mal entendidos.

      Ok. “A vida sexual das mulheres feias”. Fato é que o próprio título denuncia a obra. Nada precisaria ser escrito acerca do conteúdo. O ensaio inteiro poderia se basear no título. Talvez seja o caso de fazê-lo e, ao mesmo tempo, responder ao seu texto. Farei isso, depois do encontro coletivo.

      Esperamos você no domingo. Beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: